Bomja Rocks: Arte para fortalezense ver

Bomja Rocks: Arte para fortalezense ver

Bomja Rocks

Vish, você não sabe o que é o Bomja Rocks?

 

No último dia 22 aconteceu a 2ª edição (desse ano) do Bomja Rocks no espaço todo verdinho do Centro Cultural do Bom Jardim (CCBJ), mas ainda tem gente que não está inteirada do que é essa iniciativa.

Você está constantemente alinhado com a agenda artística da P.I. e do Benfica, mas (what?) não está alinhado com a agenda do CCBJ, o primo do Dragão do Mar? Bem, ainda dá tempo de resolver isso.

Porém, a maior ausência sentida é a da própria juventude do bairro. Não me entendam mal, no último evento apareceu uma galera, mas eu sei como quem tá do meu lado também sabe que há potencial para muito mais.

A arte não te promete dinheiro, sucesso ou salvação, mas ela te entrega satisfação e quanto mais você se aprofunda, mais você se desenvolve. Papo de gente de humanas, não é? Não, conversa de quem consome arte porque descobriu que não existe vida fora dela.

Bomja Rocks

Foto: DIvulgação

O Bomja Rocks quanto festival pode ser visto como uma iniciativa de fortalecimento para as bandas independentes de Fortaleza, mas vai além. É um trabalho feito contra o processo de se tornar zumbi. Explico:

Aqui a grande maioria fala do mesmo jeito, se veste da mesma forma, age igual num gesto sincronizado de ostentar. Escutam músicas cujas letras exaltam bens materiais e relacionamentos abusivos e quer saber, isso não é top! No país onde vivemos falta muito em cultura e sobra entretenimento que não tem nenhum compromisso com ela.

Na contramão desse processo tem muita gente trabalhando organizando festivais independentes, feirinhas culturais, sarais, grupos literários e o Escambau. Essa é a pegada da marca Bomja Rocks que teve inicio em 2011 numa parceira da CUNDER com o Panela Discos. De lá pra cá, a marca voltou-se para o sentimento de bairrismo conforme o spoiler dado em seu nome. Pode espalhar por aí: no Bom Jardim tem arte e cultura de qualidade. o/

Hoje o evento existe utilizando espaço governamental, mas é feito da mente, mão de obra e administração de artistas e produtores totalmente independentes, são eles a The Good Garden Produções que nesse projeto impulsiona o coletivo Grande Rock do Bom Jardim.

Mas como funciona? Só vai gente de preto é?

 

O evento tem entrada free. Em cada edição se apresentam duas bandas que fazem rock autoral. Podem ser bandas feitas por músicos do bairro como Harmônico Vulgar, Radix, Distúrbio Neural, Cabruncos, Dr. Instinto e bandas parceiras de bairros vizinhos como a Thrunda direto da Barra do Ceará e a Conturbo das proximidades do Antônio Bezerra.

Além das bandas, tem a Mostra de um documentário e posterior a ela, uma roda de conversa com a presença de uma pessoa que entenda do assunto ministrando a roda e fazendo a melhor abordagem do tema. Esse momento é bacana porque você nem sente que está aprendendo, é equivalente a alguém chegar e abrir uma janela onde você sequer tinha notado que tinha uma.

 

13662048_1246426982076016_2893514857636477168_o

Foto: DIvulgação

 

Precisa responder que pode ir usando qualquer cor de roupa? O evento não nasceu com fiz discriminatórios e sim, com sentimento de inclusão, ou seja, você é muito bem vindo!

Veja quem passou pelo Festival esse ano

Bandas: Cabruncos, Thrunda, Harmônico Vulgar e Radix

Profissionais ministrando as Mostras de documentário: Jonas Sousa, um dos fundadores da #RPAlternativo falando sobre Rádios Web e Thiago Nascimento, professor da Rede CUCA falando sobre audiovisual.

 

Não acabou. Tem mais vindo por aí.

 

É fácil acompanhar o que o CCBJ está fazendo. Ele é um lugar com uma boa estrutura que vem apoiando a arte feita no bairro e trazendo a arte para o bairro e isso precisa ser descoberto, apreciado e valorizado por todos. Além disso, é um fomentador de cultura que fica a somente 15 minutos do Terminal do Siqueira.

 As edições do Bomja Rocks estão ocorrendo nas instalações do CCBJ nos últimos sábados do mês.

A próxima data será em 26 de novembro a partir das 17hs com as bandas Conturbo, Distúrbio Neural e com um documentário ministrado por mim, Cristina Braga falando a respeito de Marketing Digital.

Em dezembro o Bomja Rocks cede espaço para o festival Rock Até Os Ossos acontecendo no dia 17 com as bandas Falácia e The Good Garden.

O Centro Cultural Bom Jardim (CCBJ) fica na Rua Três Corações, 400, Bom Jardim.

O evento tem entrada gratuita.

Bora limpar essa vista que no Bom Jardim tem arte pra fortalezense ver! <3

 

 


Gostou da #RPAlternativo trazer isso pra você? Então, não deixe de cadastrar seu e-mail para não perder nossas novidades.

Até a próxima.

 

 


Publicidade

Dê um clique na publicidade acima ou não utilize o adblock no site da rpa.

Garota do Rock, estudante de Administração e uma bairrista apaixonada pelo seu Bom Jardim das artes. Uma riot girl com horror a rótulos, conforme demostra desde 2013 no blog Feriados de Mim. Escreve para explorar questões humanas e para não desaparecer.

Publicidade

Dê um clique na publicidade acima ou não utilize o adblock no site da rpa.


Rodapé